Arquivo mensal: dezembro 2010

Poema e Poesia…

Padrão

by Jeniffer Delfes


Diferenças não tão claras para alguns, porém óbvias aos que de harmonia singela sabem viver e sentir, ler e ouvir…

Não precisamos muito para destacar a importância de um sorriso que é a poesia da alegria. Que com esses versos tornam-se um poema cheio de carinho verdadeiro.

Perceba o imaterial e material unidos e demonstrados aqui. O real e o surreal também se fazem presentes ao encontrar os bons sentimentos e a distância. Que discrepância do tempo e do espaço!

O ser humano nasce poesia e completa-se poema no decorrer da vida. Antes uma semente de amor; depois bebê, jovem, adulto, idoso… morte. Não temas a nenhuma etapa!

E se encontrares poesia e poema o tempo todo, e ainda souber quando a poesia estará pronta para tornar-se poema… no germinar de uma semente, no desabrochar de uma flor,  na chuva molhando a terra… Terás o poema da realidade.

Poesia é o raiar do Sol. Poema é a imortalidade de um pôr-do-sol numa tela emoldurada pela sutileza de sentimentos verdadeiros.


Pôr-do-sol no Rio Negro - Manaus/AM


Poesia emociona; Poema é a obra.

Faça poemas da vida sempre!!

Desejo de coração que seu 2011 seja simplesmente poesia transformada em poema!

Anúncios